19 de janeiro de 2014

#

Um anjo da guarda


    Sim, eu tinha uma melhor amiga, aquelas, melhores das melhores, com quem podia contar tudo, todos os medos, inseguras, segredos. Hoje, sem duvidas posso falar que descobri o significado de amigo. Quando estava prestes a cair, você me ajudou a levantar, e mesmo sabendo que eu era um caso perdido me chamava para ir na igreja com você e sua família, e que família, ainda me lembro da sua irmãzinha, que saudades dessa fofura! Lembro que a sua mãe me aconselhava, do jeito de cada um, mas me sentia da família, posso estar exagerando mas era isso mesmo, aliás.. Como esquecer as palhaçadas da escola? Das conversas, risadas, dos desenhos e idéias para o tal livro.. E.. Sabe aqueles passeios que a nossa escola sempre fazia? Eu lembro que quando cai no lago você foi a primeira a pular também para me ajudar, nunca me esquecerei disso.

   Mas, como nada que é bom dura para sempre, um dia sem mais ou menos começamos nós afastar ( se bem que nós duas sabemos o motivo), e tudo começou a ficar sem graça, ir a escola e aguentar as "brincadeiras" dos colegas de classe começou a se tornar cansativo de novo, já estava ao ponto que cheguei quando você me conheceu, mas aí eu lembrei que, algum dia agente vai se encontrar de novo, e com nossos filhos brincando no parque reviveremos nossos momentos de escola, assim, como você disse na sua dedicatória para mim em meu livro de formatura.  Sempre te disse que você foi meu anjo da guarda né? E ainda repito para quem quiser ouvi.
  Eu sou assim, fazer o que, algum dia eu ache amigos como você, ou não.

@cristcamilla